Informe Chapada

Informe Chapada


Setor agrícola pede retirada de imposto na importação de milho no país

13.04.2016

A agricultura quer retirada do imposto de 10% na importação de milho no Brasil. A proposta de isenção do imposto, ainda terá que ser analisada pela Câmara de Comércio Exterior.

Se aprovada, deverá ter validade de seis a oito meses, prazo suficiente para equilibrar o mercado, segundo a ministra da Agricultura, Kátia Abreu. Segundo o Governo Federal, a necessidade de importação do produto, é justificada pelo crescimento das exportações do grão por produtores brasileiros, motivado pelo alto valor do dólar.

Os produtos vindos do MERCOSUL já são isentos de impostos. Com isso, a medida estimularia a compra do grão produzido em outros mercados parceiros, como os Estados Unidos, por exemplo. De acordo com dados oficiais do setor, em 2015, o Brasil importou 272 mil toneladas do grão norte-americano, equivalente a 207 mil dólares.

Comentários


Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.