Informe Chapada

Informe Chapada


Capacidade baiana de gerar energia eólica chega a 41%

08.03.2016

A Bahia fechou 2015 com saldo positivo em se tratando de energia eólica. A capacidade instalada para geração deste tipo de energia fechou em 41,6%, encerrando o ano com 1,4 mil megawatts (MW).

Os dados são da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), de acordo com o blog Farol Econômico. Com os números, o estado se coloca como quarto maior produtor de energia gerada a partir dos ventos, atrás do Rio Grande do Norte, Ceará e Rio Grande do Sul, e é considerado o que teve maior crescimento entre os gigantes do setor. Em todo o país, as usinas eólicas aumentaram sua capacidade instalada em 45%, saindo de 5,7 mil MW para 8,3 mil MW. No ano passado, 102 empreendimentos entraram em operação, culminando em 325 geradoras ativas no país.

O pico de produção do país foi em agosto, com 3,2 mil MW médios atingidos - a intensidade é suficiente para atender um terço do consumo médio do nordeste, segundo a publicação.

Comentários


Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.